Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Giló - O Papagaio Indiscreto

Aqui no Papagaio e no Sapo Blogs outra vez? Pá! Vão à praia, façam amor com a(o) namorada(o)... evitem é perder o vosso precioso tempo neste botequim! Podiam, pelo menos, ter o bom gosto de escolher outro blog Papagaio

Giló - O Papagaio Indiscreto

As Árvores de Natal de Mariah Carey.

   Resultado de imagem para cartoon Mariah Carey

   Alguém viu  a árvore de Natal de Mariah Carey? Eu também Não! Estávamos mais ocupados a olhar para a Mariah... ou para o que "sobrava" dela! E no meio da estupefação, ficámos a perceber que, nesta quadra, se a "diva" quiser chocar com as suas extravagâncias ultra-mediáticas, é bem capaz de o conseguir, colocando, por exemplo, Aleppo e o drama dos refugiados sírios a léguas de distância!

   Corrijo: bem pensado, a proximidade entre Carey e os refugiados podia até ser maior do que o comum dos mortais imagina (aquelas maminhas obnubilam-nos o intelecto!) - bastava que abrisse as portas das suas  trinta e cinco mansões de megaluxo e resolvia a maior parte dos problemas que andam à solta nos acampamentos de acolhimento na Europa. Trump e os Estados Unidos nem teriam de tomar medidas para a emigração !

   Mas Carey está resmas de ocupada a aparecer nas redes sociais e na TV, - e com muito calor! A plástica nova que irá, em breve,  e novamente, fazer às Bubbies, exigirá uma grande "injeção"... de capital! Daí andar a recolher fundos para a cirurgia, num programa televisivo, encostada a uma árvore de Natal, quase tão plástica como ela!

   Isto de ser atração Pop requer muita liquidez, muito milhão! Não seria de desconsiderar a hipótese de implementar uma quermesse social em favor da Maria. Ou, então, uma Crowdfunding!

  Para falar verdade e sem ironias balofas, encontramo-nos mais preocupados com Mariah Carey do que com os refugiados. A avaliar pela atualização das últimas fotos vindas a lume, há mais probabilidades de rebentamento de uma mama nas trombas da diva, com tanto silicone cirúrgico,  do que de queda de um morteiro no meio da Síria!

   Evidentemente que a Idade Média só ficou a perder para estes nossos dias porque não havia câmaras de televisão na altura, redes sociais nem produtoras milionárias de eventos a puxarem os cordelinhos da novela! De resto, a opacidade dos tempos continua a ser a mesma, só que em direto e em massa. Mudam-se os tempos, ficam as hipocrisias!

Pap...Giló Papagaio Indiscreto.png

14 comentários

Comentar post