Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Giló - O Papagaio Indiscreto

Aqui no Papagaio e no Sapo Blogs outra vez? Pá! Vão à praia, façam amor com a(o) namorada(o)... evitem é perder o vosso precioso tempo neste botequim! Podiam, pelo menos, ter o bom gosto de escolher outro blog Papagaio

Giló - O Papagaio Indiscreto

Faz-me um Carinho no Pirilau... dentro do Caixão!

fotos, profissões, pirilaus, pénis, papagaio, bl

   Em Portugal e Espanha, só há taxas de desemprego tão preocupantes por uma única razão - em Portugal, por falta de imaginação. Em Espanha, por falta de criatividade:

- Escrevinhador de bolos da sorte (era uma profissão muito apropriada para papagaios, sobretudo para papagaios com fome).

- Provador de caixões (esta é uma atividade muito difícil, pelas emoções que pode despoletar, embora também seja compreensível a sua existência prévia, uma vez que o público alvo não costuma estar disponível para avaliar o produto).

- Acarinhador profissional (quem optar por esta carreira - muito na moda nos Estados Unidos e no Canadá, já fica a saber que o preço médio a cobrar por cada carícia é de um dólar).

- Carpideira profissional ( profissão quase tão antiga como a prostituição e o jornalismo; a tabela de preços varia de acordo com o país e as ganas guturais. Um guincho do estilo " estão-me a ir ao rabo" anda à volta dos três euros e setenta e cinco cêntimos). 

- Sexólogo de frangos (ao que consta, consiste em examinar os "pintos" dos pintos ao microscópio, em explorações avícolas; o salário médio corresponde a cinquenta mil dólares anuais - venha de lá esse pinto, bem... mais ou menos!).

- Esperador de filas (ora aí está a dormência do nosso povo! Uma profissão com tanto potencial em terras de Viriato e ninguém aproveita! Acho que vou abandonar a minha vida atual e dirigir-me ao IEFP, à procura de centros de saúde e repartições de finanças).

- Testador de preservativos (sem comentários possíveis, só porque nos apetece imaginar o inimaginável! EH !EH!).

- Mergulhador de golfe (Pergunta: - Que fazes? Resposta: - Ando à procura das bolinhas debaixo d'água!).

- Caçador de toupeiras (é uma profissão fácil, já os ratos é mais difícil, que esses têm olhos na cara).

- Ordenhador de cobras ( GLACT!!!!!!!... vejamos o lado positivo, as cobras são fod*d*s, mas os riscos de levar um coice são bastante reduzidos!).

- Cheirador de flatos e hálitos ( ao que consta, é possível detetar doenças no rabo e na boca das pessoas.  Mas mesmo que não fosse possível, há sempre alguém no meio disto tudo que fica doente! Quem quiser duvidar e saber mais sobre este emprego, que pesquise, que eu próprio ainda não acredito!).

- Empurrador de pessoas (no Metro de cidades asiáticas muito populosas é comum encontrar estas figuras; dava algum jeito contratar dois ou três destes e enviá-los para o Parlamento).

- Provador de rações animais (nada de anormal... é muito comum em restaurantes bem cotados em Portugal e noutros países!).

- Cheirador de axilas (preferível, comparativamente a cheirador de rabos e flatos). 

- Fotógrafo(a) de pirilaus (em Nova Iorque há quem se dedique -Soraya Doolbaz - a maquilhar pilas e a fotografá-las disfarçadas de personalidades públicas; a foto da pixota do Fidel Castro está avaliada em 125 euros, adereços incluidos).

 

 Papagaio

 

 

7 comentários

Comentar post