Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Giló - O Papagaio Indiscreto

Aqui no Papagaio e no Sapo Blogs outra vez? Pá! Vão à praia, façam amor com a(o) namorada(o)... evitem é perder o vosso precioso tempo neste botequim! Podiam, pelo menos, ter o bom gosto de escolher outro blog Papagaio

Giló - O Papagaio Indiscreto

15% off first order at luvyle.com

Tó Rebelo Pinto e Guida Carreira: da cantiga do bandido à novela fotocopiada.

tony carreira.jpg

   Se Tony Carreira, quando era jovem e não tinha rugas, tivesse roubado um repolho ou um limão lá da banca de frutas e hortaliças da vendedora do mercado do bairro, ainda estaria hoje a cumprir pena por furto qualificado e agravado em Vale de Judeus. E muito bem, que fruta está cara, o sacana do bandidinho! E o nosso sistema judicial e as forças de segurança até primam por estar zelosamente bem preparadas para tratar dos casos que envolvem vegetais e fruta da época.

   Já quanto à propriedade intelectual temos um caso mais sério de resolver, porque, como se sabe, a dita cuja é um ente-fantasma, isto visto à luz da conceção mental e moral do povo lusitano. Já alguma vez se viu o  desaforo do cidadão contribuinte ter de pagar às suas custas a um juíz de batina preta e colarinho branco, com aquelas mangas largas que parecem ventiladores, para correr atrás de uma propriedade intelectual? Deixemo-nos de m*rdas, que essa coisa do intelectual não existe nem serve para nada.

    O Tó e a Margarida que o digam! Os putos do primeiro ciclo passam a vida a fazer cópias na escola e ainda ninguém os prendeu! Até que se veja alguma moralização no sistema e neste estado de coisas, temos de perdoar ao "músico" e à "escritora". Para mais, o Tó já admitiu que pagou o suficiente ao tribunal para lhe perdoar o roubo, e aos "subtraídos" para calarem a boca -  já vai para dez anos e não faz qualquer sentido desenterrar velhos fantasmas agora.

   António e Margarida: o Papagaio está convosco!  Apoiamos a vossa atitude a 110%.  E até aproveitamos a oportunidade para deixar aqui um repto - pedir um favor, se faz favor: haverá, por acaso, por aí algum plagiador famoso que nos possa plagiar também a nós? Era uma caridade que se fazia a esta alma necessitada de atenção mediática e graveto sustentativo. Estamos precisados de um escândalo mediático que nos faça saltar para a ribalta e nos traga mais leitores e fãs chocados e abismados. Não aparecer é bem pior do que aparecer pelas piores razões! Por suposto que um papagaio necessita também dos seus trocados, atenções e polémicas. Estamos na disposição de sugerir onze posts para "plagiação/ plagiamento" e posterior instauração de processo judicial sem preço de reserva.

   Aceitamos serviços de mimética levados a cabo por assombrações da literatura de cordel cor de rosa, de preferência  fantasmas bons cumó milho e veteranos na matéria, com nome começado por "M" (condição preferencial) e com currículo académico equivalente à 3ª classe incompleta.

 Desesperadamente

Papagaiopapagaio

6 comentários

Comentar post