Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Giló - O Papagaio Indiscreto

Aqui no Papagaio e no Sapo Blogs outra vez? Pá! Vão à praia, façam amor com a(o) namorada(o)... evitem é perder o vosso precioso tempo neste botequim! Podiam, pelo menos, ter o bom gosto de escolher outro blog Papagaio

Pirralhos do Primeiro - Carta Postal: O Pai Natal Atrasado

santa claus, natal.jpg

     Diz-se por aí, que na Lapónia, “coisa e tal”: os duendes adormeceram e não fizeram o habitual. Quase ficavam as prendas por entregar, os embrulhos por amarrar, São Nicolau a chorar e o pinheirinho por enfeitar. As renas esquecidas no redil, sem cumprir o seu papel, com o trenó a voar.

   Pai Natal não ficou contente, pôs-se aflito e apressado a caminho do oriente; depois, pelo poente, voou até ao Brasil, à Irlanda e ao Nepal, a entregar a prenda atrasada na quadra celestial.

    No meio da confusão cá chegou a Portugal. Foi então que o Pai Natal resolveu aparecer, aos tombos, pela nossa porta do quintal. Já passava da meia-noite, estava então o avô Marcial a acabar de ler o seu jornal. Era mesmo meia-noite!!! A menos que o relógio estivesse a bater mal!

  Mas que grandessíssimo aranzel!...entrar, lá agora, feito tonto pelo quintal e a deixar as prendas mesmo junto ao beiral!...se o avô desse com esse taful do Pai Natal,ahhh!, iria ser mesmo um enorme festival! Ai iria!, por sinal, que o avô até pode ser torto das costas, mas não é nenhum caracol. Ainda joga futebol e não gosta de convidados, todos sorrateiros, sem dar ponta de sinal, a pisar as plantas e legumes semeados no nabal. O avô Marcial, ao ver o estrago no quintal, até ficava azul! Mas que grande pincel! Ó Pai Natal, compra lá um lençol, amarra-o à chaminé e desce antes por lá, que a avó Maria José já te preparou um farnel com bolinhos e sumol.

 Nesta época tão especial desejos de Feliz Natal!

Pai Natal.png

 

Assinado: Pai Natal

5 comentários

Comentar post